Saúde

Estresse pode causar arritmia cardíaca

Arritmia cardíaca

Arritmia cardíaca é qualquer variação do ritmo ou frequência cardíaca. Todo batimento cardíaco é causado por um impulso elétrico que percorre por todo o músculo, “forçando” o mesmo a diminuir o tamanho. No coração isso serve para impulsionar sangue. Considerando que o sangue vai até o coração proveniente de todo o corpo de forma regular, e que tudo que chega ao coração precisa seguir em frente, vemos como acontecem os sintomas da arritmia.

Caso um batimento chega antes do tempo, ele vai enviar menos sangue ao corpo. O batimento que segue, se esperar o tempo certo de bater, irá acumular o sangue que não saiu no anterior junto com a quantidade habitual fora da arritmia. Neste caso o paciente sentirá um pulo no peito ou na garganta. Caso a arritmia for muito rápida, o sangue não vai conseguir ser empurrado a tempo e acumulará nos pulmões e às vezes nas pernas também. Se o coração estiver muito lento, o espaço entre as batidas será tão grande que a pressão dentro da aorta subirá e descerá de forma gradual e em tanta quantidade que irá gerar muito cansaço: não tem fluxo pra chegar até os dedinhos ou até o cérebro.

Logo síncope, palpitações ou falta de ar podem ser causados por arritmias. Mesmo a maioria sendo benigna, algumas podem levar à morte.

 

Adicionar um Comentário